Quando se diz, “o amor é sego”, não se trata do feio com o bonito, o gordo com o magro, ou o doente com o são e sim de sentimentos congruentes, depois disso  o que se vê se torna  prazer momentâneo e sem muita importância.

 

Comentários encerrados.

%d blogueiros gostam disto: