Passaria  o dia de óculos escuros,  para então a noite tirá-los e finalmente apreciar  a única cor digna de se ver, a tua.

 

Comentários encerrados.

%d blogueiros gostam disto: