O único bem material que existe é o próprio ser.

Deve-se valorizar primeiro a tua própria vida, para depois a do teu próximo.

Diz alguém que valoriza  seu corpo externo, se esquecendo ou ignorando o interno, se rendendo as luxurias diárias, o mesmo ainda trabalha salvando vidas, que ironia, contraditória essa? Nada, é só  falácia concebida através da ignorância.

Comentários encerrados.

%d blogueiros gostam disto: