Impotente

Não tenho voz, me falta ar, formulo e reformulo, tudo para não errar, me falta coragem, me falta ação, me sinto fracassado antes de tentar, meu coração acelera, começo a suar, mas minhas palavras continuam nulas, as tenho em minha mente e dificilmente consigo expressar, sou escravo da ansiedade e não tenho a quem culpar, meu corpo simplesmente não obedece e me faz congelar, sou um historiador preguiçoso que dificilmente a filosofia irá considerar e tudo isso por não querer ser apenas o que sou, mas também o que posso ser.

 

2 Respostas to “Impotente”

  1. There is definately a lot to know about this subject.
    I like all of the points you’ve made. http://yahoo.co.uk

    Curtir

Comentários encerrados.

%d blogueiros gostam disto: