Observe dois tipos de arvores, frutíferas e as  que só nos oferecem flores, agora imagine que estamos em momentos de dificuldade e só podemos auxiliar na continuação de uma das duas espécies, qual delas você escolheria?

Logicamente a escolha seria da arvore frutífera, pois  nos é útil não só sensorial como fisiologicamente,  nesse caso a beleza das flores, não faria muita diferença, pois levamos em conta a necessidade.

Agora vamos comparar com a nossa realidade, prazeres e estética podem ser bons, mas não são necessários e percebemos isso quando temos que escolher entre o necessário e o que não é, pois  o prazer e o belo, alimentam os sentidos, o que é necessário, alimenta não só o corpo, mas a própria essência de vida contida em nós.

Repense sua forma de ver e absorver o mundo em sua volta, não se ater a alguns detalhes, pode lhe trazer sofrimentos desnecessários futuramente.

 

Comentários encerrados.

%d blogueiros gostam disto: