Eu e minha medíocre forma de escrever, não chegamos aos pés de sua voz potente e viral, enquanto meus textos gritam por alguém que se interesse por eles, você apenas diz e não importa a indiferença, sempre haverá alguém para aplaudir, minha expressão é limitada, nem sempre o que lêem está como eu realmente gostaria que entendessem, mas na tua voz, tudo que sente é expresso de tal maneira que me sinto em ti cantando, cada dor, cada sorriso, cada olhar, cada declínio, queria ter tua voz para poder cantar meus inos, poder gritar ao mundo tudo o que sinto.

 

 

 

Comentários encerrados.

%d blogueiros gostam disto: